SÃO PAULO – Em um noticiário corporativo mais fraco nesta terça-feira (22) por conta da proximidade das festas de fim de ano, destaque para a Ambev, que informou na noite de ontem o pagamento de dividendos a acionistas a partir de janeiro.

Já o grupo de saúde Dasa informou que avalia fazer uma oferta de ações para pagar aquisições recentes. O grupo anunciou no início do mês a compra do grupo hospitalar Leforte.

A PetroRio, por sua vez, informou que assinou acordo com a Prisma Capital para converter financiamento de US$ 100 milhões em linha de longo prazo.

Enquanto isso, o Bradesco BBI divulgou sua avaliação sobre o mercado de minério de ferro. O banco destaca que os preços do minério estão atualmente em US$ 177 por tonelada, o maior nível desde 2011, em meio a alta da demanda, baixa oferta e margens altas para fabricantes de aço.

O Bradesco afirma, no entanto, que o recente deslizamento na mina Córrego do Feijão, da Vale, que não está em operação, leva a preocupações de investidores quanto à capacidade da empresa de aumentar sua produção em 2021, já que isso depende de licenças emitidas pelo governo de Minas Gerais.

Confira os destaques:

Ambev (ABEV3)

A Ambev informou na segunda que aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 0,0767 por ação. O pagamento ocorrerá em 28 de janeiro de 2021. Segundo a empresa, o valor será deduzido do resultado acumulado de 2020.

Dasa (DASA3)

O grupo de saúde Dasa informou na segunda-feira que avalia fazer uma oferta de ações com esforços restritos, visando a captar recursos para pagar por aquisições recentes. No começo do mês, a Dasa anunciou a compra do grupo hospitalar Leforte por R$ 1,77 bilhão, fortalecendo sua entrada no setor de hospitais.

Nos meses anteriores, a Dasa já havia anunciado a compra da prestadora fluminense de serviços médicos, ambulatoriais, hospitalares Nossa Senhora do Carmo Participações, assim como da Gesto Saúde.

Petrorio (PRIO3)

A PetroRio informou na segunda que assinou acordo com a Prisma Capital para converter financiamento de US$ 100 milhões em linha de longo prazo. Parte dos recursos deverá ser usada para aquisição do FPSO (sigla inglês para Unidade Flutuante de Produção, Armazenamento e Transferência) OSX-3 e do campo de Tubarão Martelo.

“O contrato de longo prazo mantém o valor do principal e fixa as amortizações em quatro parcelas iguais de US$ 25 milhões em julho de 2021, janeiro de 2022, julho de 2022 e janeiro de 2023”, afirmou a empresa.

Vale (VALE3)

O Bradesco BBI divulgou sua avaliação sobre o mercado de minério de ferro. O banco destaca que os preços do minério estão atualmente em US$ 177 por tonelada, o maior nível desde 2011, em meio a alta da demanda, baixa oferta e margens altas para fabricantes de aço.

O Bradesco afirma, no entanto, que o recente deslizamento na mina Córrego do Feijão, da Vale, que não está em operação, leva a preocupações de investidores quanto à capacidade da empresa de aumentar sua produção em 2021, já que isso depende de licenças emitidas pelo governo de Minas Gerais.

Um operário de uma terceirizada contratada pela Vale Verde morreu. Ele estava na cabine de uma máquina escavadeira, quando um talude desmoronou sobre a máquina. Ontem, as ações da companhia chegaram a cair forte após o acidente (veja mais aqui).

Assim, a prefeitura de Brumadinho suspendeu na sexta (18) o alvará de funcionamento da empresa e de suas terceirizadas por um período de sete dias.

O evento lembra janeiro de 2019, quando ocorreu o rompimento da barragem do córrego do Feijão, que continha cerca de 12 milhões de metros cúbicos de rejeito de minério. A tragédia causou a morte de mais de 270 pessoas e um rastro com quilômetros de destruição.
O banco diz que, se as exportações brasileiras de minério de ferro mantiverem o ritmo atual, devem crescer 5% em dezembro frente novembro, e subir 22% na comparação com dezembro de 2019.

O Bradesco diz que as ações da Vale continuam sendo sua “top pick” no setor de materiais da América Latina.

Santos Brasil (STBP3), Ecorodovias (ECOR3) CCR (CCRO3) e Rumo (RAIL3)

O Bradesco BBI publicou sua avaliação sobre os planos do governo federal para leilão de 61 projetos de infraestrutura, resultando em investimentos de R$ 275 bilhões. Isso inclui 17 projetos de estradas com pedágios, 10 projetos em aeroportos, 21 em portos, 9 em rodovias e 4 em mobilidade urbana.

Segundo o banco, a atratividade do negócio depende da adequação da legislação. O governo busca aprovar uma nova lei geral de concessões, a aceleração do licenciamento ambiental, investimentos privados em ferrovias e a BR do Mar, de estímulo à cabotagem, ou seja, navegação e transporte de mercadorias entre portos brasileiros.

O banco diz que Ecorodovias, CCR, Rumo e Santos Brasil devem ser as maiores beneficiadas por mudanças na regulamentação.

O Bradesco atualizou o preço-alvo para a CCR a R$ 18 em 2021, frente R$ 17 do preço-alvo de 2020, e R$ 13,20 negociados na segunda (21); para Rumo, rebaixou o preço-alvo a R$ 31 em 2021, frente R$ 34 em 2020 e R$ 19,25 negociados na segunda, incorporando impacto de investimento de R$ 10,3 bilhões para reformar a Malha Sul

O banco mantém preferência e avaliação de outperform (expectativa de valorização acima da média do mercado) para ações de Santos Brasil, com preço-alvo de R$ 10 frente R$ 5,14 negociados na segunda devido a bom posicionamento para capturar alta de volume no Porto de Santos, além de renegociação de contrato com a Hamburg Süd, que deve gerar Ebitda acima da expectativa.

E também para Ecorodovias, com preço-alvo de R$ 20, frente os R$ 12,94 negociados na segunda, já que a empresa se baseia na operação de estradas com pedágios, e deve se beneficiar da recuperação de tráfego leve, especialmente em São Paulo, assim como da adição de novas concessões.

Totvs (TOTS3)

O Bradesco BBI publicou avaliação sobre a aquisição pela Tovs da Tail Target, por R$ 32 milhões, anunciada na segunda.

O banco diz avaliar que a notícia é positiva para a Totvs, indicando sua capacidade de aderir a planos para fusões e aquisições. Na avaliação do Bradesco, a compra reforça a estratégia da Totvs de se tornar um ecossistema, e impulsiona seu posicionamento no setor de fintech.

O banco reafirmou sua avaliação de outperform (expectativa de valorização acima da média do mercado) para os papéis da Totvs, e preço-alvo de R$ 36 em 2021, frente R$ 28,10 negociados na segunda (21).

Ser Educacional (SEER3)

O Itaú BBA avaliou a compra do Iaesb (Instituto Avançado de Ensino Superior de Barreiras), mantenedor do Centro Universitário São Francisco de Barreiras, pela Ser Educacional, anunciada na segunda. Na avaliação do banco, este é mais um passo da Ser no sentido de aumentar seu foco em cursos da área de saúde, e aumentar sua presença no Nordeste.

O banco destaca que serão adicionados 332 alunos de medicina, além de 96 assentos anuais do curso de medicina, incluindo alunos bancados por Prouni e pelo Fies. O banco mantém avaliação em outperform (expectativa de valorização acima da média do mercado) para a Ser, com preço-alvo em R$ 24, frente os R$ 15,19 negociados na segunda (21).

Hermes Pardini (PARD3)

O Instituto Hermes Pardini informou que realizou um total de 2 milhões de testes de covid. A média em dezembro foi de 11 mil por dia. O Bradesco BBI afirma que o volume fica ligeiramente acima de sua expectativa de 10 mil testes diários, indicando uma recuperação do volume após média de 6.000 testes diários em novembro.

O banco avalia o crescimento como positivo, à medida que pode impulsionar os resultados do quarto trimestre. Mesmo assim, avalia que será difícil atingir a capacidade máxima, de 20 mil testes por dia.

SulAmerica (SULA11)

A SulAmerica informou que encerrou o antigo programa de recompra de ações, à medida que já atingiu o limite, com a compra de 13.977.551 ações ordinárias e 27.955.102 ações preferenciais.

A gerência diz avaliar que o preço das ações ainda não corresponde ao valor da empresa, e a junta diretora divulgou um novo programa de recompra, com limite de 5.399.237 ações ordinárias e 10.798.474 ações preferenciais, correspondentes a 2% das unidades em circulação. O plano deverá ser executado em 18 meses.

Even (EVEN3)

A Even anunciou na segunda que assinou um acordo de venda para desinvestir em oiro projetos na cidade do Rio de Janeiro. A empresa afirma que pretende vender dois terrenos na região, praticamente encerrando sua operação na cidade.

O Itaú BBA diz esperar uma boa reação do mercado, embora esses planos tenham sido anunciados em outubro. A empresa vinha obtendo resultados fracos no Rio. A operação deve atingir R$ 238 milhões, 95% dps quais serão recebidos imediatamente, fortalecendo a posição de caixa da Even, e indicando uma possível distribuição de dividendos maior em 2021.

O Itaú mantém avaliação de market perform (expectativa de valorização dentro da média do mercado) para a Even, com preço-alvo de R$ 13,5 em 2021, frente os R$ 12,50 negociados na segunda (21).

Frigoríficos

O Frigol, quarto maior frigorífico de bovinos do Brasil, espera atingir pela primeira vez a marca de R$ 3 bilhões em receita líquida em 2021, com uma estratégia voltada para a expansão de vendas de carnes no mercado externo, que passa tanto pela demanda chinesa quanto pela expectativa de novas habilitações, segundo afirmou o CEO da companhia, Marcos Câmara, à Reuters.

Ele afirmou que as exportações passaram a representar 44% da receita neste ano, uma alta de 10 pontos percentuais em relação a 2019, tendo a Ásia como destino de 80% dos embarques.

Em 2020, a companhia –que em bovinos fica atrás apenas das gigantes JBS, Marfrig e Minerva Foods– deve atingir recorde de R$ 2,4 bilhões em receita, ante R$ 1,85 bilhão faturado no ano anterior.

Das cinco plantas do Frigol espalhadas entre São Paulo, Pará e Goiás, uma atua na área de suínos e quatro em bovinos. Do total, duas unidades são habilitadas para embarcar carne de boi à China e uma terceira, localizada em São Felix do Xingu (PA) está em fase final para aprovação do governo chinês.

“A bola está totalmente no campo da autoridade chinesa. A gente imagina que (nossa planta) estará na próxima rodada de aprovação, que pode acontecer a qualquer momento, talvez nas próximas semanas”, estimou Câmara. Segundo ele, outro destino que pode trazer resultados promissores para a companhia é Israel. Ele afirmou que a empresa iniciou em agosto um programa para intensificar a venda para Israel, atendendo a requisitos judaicos de abate e preparo.

Na última semana, a Abiec (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes) destacou que o país negocia acordos para a venda da proteína bovina aos mercados citados pelo presidente do Frigol, dentre outros players.

Câmara destacou, no entanto, que a maior parte da produção de carnes do país ainda é comercializada no próprio Brasil.

Dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) mostram que na última sexta-feira o Indicador do boi gordo Cepea/B3 fechou em R$ 255,3 por arroba, queda de 10,03% na variação mensal.

“Os preços ainda estão em processos de acomodação, a demanda apesar das festas de fim de ano está mais contida e os preços da carne estão caindo. Na minha opinião, isso ainda vai perdurar por mais tempo e também uma escassez de animal”, avaliou.

Operacionalmente, o CEO do Frigol disse que houve uma redução de 4% no volume de abates, abaixo da média de 10% vista no mercado, causada pela escassez de oferta, mas nenhuma unidade da empresa teve a produção interrompida ou foi descredenciada por compradores em função da pandemia.

Quer migrar para uma das profissões mais bem remuneradas do país e ter a chance de trabalhar na rede da XP Inc.? Clique aqui e assista à série gratuita Carreira no Mercado Financeiro!

The post Ambev aprova pagamento de dividendos, Dasa avalia oferta de ações, PetroRio assina acordo de US$ 100 mi e mais destaques appeared first on InfoMoney.