Tesla

(Bloomberg) — As ações da Apartment Investment and Management derraparam na segunda-feira depois de a S&P Dow Jones Indices anunciar a retirada da firma de seu principal índice, a fim de dar lugar para a fabricante de veículos elétricos Tesla.

O fundo de investimento imobiliário com sede em Denver, no Colorado, administra apartamentos e perdeu 37% este ano, quando a pandemia de Covid-19 devastou as economias globais e destruiu dezenas de milhares de empregos nos EUA. Os papéis da Apartment Investment, com valor de mercado de US$ 6,3 bilhões, recuavam 4,1% antes a abertura do pregão nos EUA, enquanto as ações da Tesla subiam 1,5%.

O anúncio conclui a tão esperada inclusão da montadora. Investidores no mundo todo ajustam suas carteiras antes das mudanças que entrarão em vigor em 21 de dezembro. A inclusão e retirada de empresas do índice ocorre regularmente, porém o processo atraiu imensa atenção desta vez porque a chegada da Tesla era amplamente aguardada. Cerca de US$ 11 trilhões estão aplicados em fundos atrelados ao índice.

A Tesla também será adicionada ao S&P 100, substituindo a Occidental Petroleum, segundo comunicado enviado na sexta-feira pela empresa responsável pelo índice. A Occidental permanecerá no S&P 500 e outro fundo imobiliário, chamado Apartment Income REIT, substituirá a Dunkin ’Brands Group no S&P MidCap 400 Index. No mês passado, a Inspire Brands Inc. anunciou a aquisição da Dunkin ’Brands por US$ 11,3 bilhões.

Quer receber aluguel sem ter imóvel? Thomaz Merluzzi, estrategista de Fundos Imobiliários da XP, oferece treinamento gratuito para quem busca uma fonte de renda passiva – inscreva-se já!

The post Montadora de carros elétricos Tesla finalmente entra no S&P 500 appeared first on InfoMoney.